Efemérides de 12 de Julho (2022)

1690 Na Batalha de Boyne, há 332 anos, Guilherme D’Orange (1650-1702, Príncipe de Orange e conde de Nassau) venceu o rei Jaime II da Grã-Bretanha, tornando-se ele próprio Rei de Inglaterra, alardeando convicções antipapais e protestantes.

1902 Foi patenteado há 120 anos o processo de fabrico de barbitúricos, definido por Adolf von Baeyer (1835-1917), Nobel da Química 1905 (que descobriu o ácido de barbitúrico em 1864).

1906 Foi reabilitado há 115 anos o capitão Alfred Dreyfus (1855-1939) do Estado Maior da França, condenado em 1894 por traição, com base em provas falsas, no que foi considerado um dos mais escandalosos casos de anti-judeísmo em França, e levou o consagrado escritor naturalista francês Emile Zola (1840-1902) a lançar o Manifesto em sua defesa intitulado J’Accuse..

1945 A Conferência Inter-académica Luso-brasileira da Língua Portuguesa foi inaugurada há 77 anos na Academia de Ciências de Lisboa, a fim de debater a unificação ortográfica do idioma comum aos dois países, vindo o acordo daqui resultante a ser adoptado apenas por Portugal, através do Decreto n.º 35 228, de 8 de Dezembro de 1945.

1949 França abriu há 73 anos o primeiro banco de sangue de uso civil constituído no mundo.

1994 O Museu do Chiado (Museu Nacional de Arte Contemporânea, fundado pelo Governo Provisório da I República em por um Decreto de 26 de Maio de 1911), que por razões preventivas na altura do incêndio do Chiado teve as obras dali retiradas, e estando há anos a necessitar de arranjos, aproveitou a oferta francesa de um projecto do arquitecto Jean-Michel Wilmotte, e foi inaugurado há 28 anos.

2010 A permuta de terrenos do Parque Mayer com os da antiga Feira Popular, em Entrecampos, Lisboa, negócio celebrado em 2005 entre a Bragaparques e a Câmara dirigida pelo PSD, foi anulada há 12 anos pelo Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa.

2014 Terminaram há 8 anos as Olimpíadas Internacionais de Matemática, na cidade do Cabo, na África do Sul, nas quais, Portugal conquistou duas medalhas de prata, três de bronze e uma Menção Honrosa.

2021 Pelo menos 92 pessoas morreram há 1 ano, num incêndio numa ala de um Hospital Covid-19 no Iraque.

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s