Vinagrete 19.07.16 – O embaixador inglês nos EUA

Nem Boris Jonhson sonha no problema em que se pôs, por apoiar Trump contra o embaixador do seu país. Tudo indica que neste momento, em que as vitórias eleitorais vão para os mais radicais e com provas de desonestos (não concordo com a expressão

Trump e o ex-embaixador inglês, BBC

‘populistas’), parece que ele tem garantida a vitória no Partido Conservador inglês. Só teríamos de nos admirar se fosse vencido por alguém equilibrado.

De qualquer maneira, o embaixador inglês nos EUA já tem o seu lugar da História. Mas gostava de saber quem divulgou os telegramas. Porque me parece não ser esse o papel de um diplomata – por muito frustrado que esteja com o Presidente do Pais em que se encontra. E por muito que ache que ele está a provocar uma guerra desnecessária e prejudicial e todo o Ocidente com o Irão. Tanto mais que esse Presidente pertence a um género muito de moda, espalhado por aí fora, de gente que Putin certamente come ao pequeno-almoço, e nesse sentido aprecia muirto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s