Vinagrete 19.04.30 – A perspicácia de Rangel

Enquanto não se sabe que Governo fará Sanchez, do PSO, em Espanha, e enquanto não se sabe o final das movimentações militares na

P. Rangel, Açoriano Oriental

Venezuela, constato com agrado que Paulo Rangel já percebeu os perigos de virar demasiado à direita – e dar trelas a franquistas, em Espanha, ou a salazaristas, em Portugal.

Se toda a direita o entendesse melhor, talvez passássemos entre estes pingos de chuva de moda na política. Porque a extrema-direita é tão desagradável como a extrema-esquerda, tocam-se demasiado, e quando chegam ao poder são o terror para quem os não aprecia. Logo a começar pelas liberdades orgânicas. Ainda por cima, só enganam quem quer ser enganado, porque os seus programas são muito claros. Claro que há as ‘fake news’, mas isso parece ser um sinal dos tempos, mais próprio de quem quer ler o que gosta, e de caminho enganar alguns que sejam propícios a isso.

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s