Efemérides de 17 de Novembro (2022)

1717 Foi colocada há 305 anos a primeira pedra do Palácio-Convento de Mafra, por iniciativa de D. João V (1689-1750, a reinar desde 1706), tendo o edifício sido declarado monumento nacional em 1910, e tornado depois muito mais célebre por Saramago.

1910 O Governo provisório da República determinou há 112 anos que A Portuguesa, composta por Alfredo Keil (música) e Henrique Lopes de Mendonça (letra), famosa na época do Ultimato Inglês, passasse a ser o Hino Nacional, o que continua a acontecer (muito polemicamente, pelo seu carácter guerreiro, semelhante ao do hino francês a Marselhesa) por determinação da Constituição em vigor.

1969 O Governo de Marcello Caetano (1906-80, chefe do Executivo como sucessor de Salazar entre 68-74) mudou há 53 anos o nome da odiada polícia política PIDE para DGS, mas mantiveram-se-lhe as funções repressivas.

2016 O Conselho de Ministros aprovou há 6 anos o novo regime comum de acesso às reformas dos militares e polícias que uniformiza as condições e regras de atribuição e cálculo das pensões de reforma e de velhice a estes profissionais.

2019 Em Wuhan, China, apareceu há 2 anos o primeiro caso conhecido do coronavírus SARS-CoV-2, ou Covid 19, que provocou a maior pandemia do Século XXI.

2021 As autoridades de Delhi, Índia, ordenaram há 1 ano que as escolas fechassem até novo aviso e a construção fosse interrompida enquanto a Corte Suprema pedia um “bloqueio de poluição” na luta contra a poluição do inverno (que, apear das renitências da Índia contra a defesa do Clima, se repete).

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s