Vinagrete 22.07.04 – Pedro Nuno Santos não se demite

Eu até posso perceber que António Costa prefira não o demitir: cabe-lhe só a ele escolher a equipa de ministros com que trabalha (quem perde tempo a pedir a demissão de um ministro explica e desgaste da Oposição), é uma tentação ter o suposto esquerdista do seu partido bem ao seu lado e muito diminuído, e já o humilhou bem.

            Quanto a Pedro Nuno Santos será menos compreensível manter aspirações de suceder a Costa, fazer manifestações de não ter faro nenhum para a política, e nem se demitir agora. Ele já tinha feito mal a TAP. O PCP e o BE apostam num populismo incompatível com as realidades enfrentadas por um governante (o que neles até será normal). E nem sequer repararão que o apoio dado à aliança de esquerda por Pedro Nuno Santos é inconsequente, porque essa é uma especialidade de gente como António Costa. Pedro Nuno Santos nunca a conseguiria fazer. Nem sequer é capaz de se demitir quando deve.

            Mas a sua continuação no Governo não é só má para ele (que na sua acção, apesar dos dossiers importante, deixa de tara mínima credibilidade). É-o para todos, incluindo o primeiro-ministro, que prefere ceder só aos seus próprios fascínios (e assim também perde grande parte da sua credibilidade).

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s