Vinagrete 22.03.18 – Combustíveis e guerra

Uns empresários e motoristas de transportes entraram em greve contra o preço dos combustíveis, contra a guerra e as suas associações, em Portugal e Espanha.

            As vantagens da democracia orgânica e indirecta, é ter pessoas, no caso as direcções das associações dos transportes, que nos momentos delicados consigam sobrepor-se às medidas aparentemente mais populistas.

            Havendo guerra, e estando nós todos a ver o drama que significa para os ucranianos, muito para lá de uns aumentos de preços, vê-se que esta gente dos  transportes, na sua luta desenquadrada, não só é profundamente antidemocrática, como a generalidade dos apoiantes de Putin (ou de extrema-direita ou do PCP), como está realmente contra qualquer espécie de sacrifícios para afastar o perigo Putin. Apesar do comprovado mau resultado, preferem apaziguamentos que não os transtornem para já, e não querem pensar no futuro..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s