Efemérides de 26 de Agosto de 2020

Britânia, breve província romana, Wikipédia

55 a.C. Júlio César (100-44a.C.) invadiu há 2075 anos a Britânia (província romana que ocupava o Centro e o Sul da Grã-Bretanha).

1789 A Assembleia Constituinte francesa aprovou há 231 anos, na sequência da Revolução, o seu documento fundamental, a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão.

1927 As forças leais à Ditadura instaurada por Gomes da Costa (1863-1929) no 28 de Maio do ano anterior, venceram há 93 anos os militares revoltosos liderados pelo general Adalberto Gastão de Sousa Dias (1865-1934, num confronto sangrento da República que deixou cerca de 150 mortos e 800 feridos, ainda combatidos pelo primeiro, que seria afastado no ano seguinte.

1974 Portugal iniciou a descolonização há 46 anos, depois da Revolução do 25 de Abril anterior, ao reconhecer em Argel com a assinatura do acordo preliminar com o PAIGC a independência da Guiné-Bissau, proclamada unilateralmente a 24 de setembro de 1973 e então reconhecida no âmbito da ONU.

1997 Frederick Willem de Klerk (n.1936, Presidente da África do Sul entre 1989-94, tendo como antecessor Pieter Botha e sucessor deste Nelson Mandela), abandonou a política há 23 anos, tendo como principais feitos a libertação de políticos negros como Mandela (este, em fevereiro de 1990) e o fim a mais de 40 anos de apartheid.

2002 Começou há 18 anos, em Joanesburgo, na África do Sul, a Cimeira Mundial do Desenvolvimento Sustentável (chamada a Rio+10, e realizada 30 anos depois da Cimeira das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento, em Estocolmo, 1972), que contou com 104 Chefes de Estado e de Governo e mais de 10 mil participantes – que deu passos de gigante, embora ainda se espere a adesão às preocupações ambientais de grandes países e enormes empresas – questão obviamente atrasada por Trump.

Funcionários públicos, FaceBook

2003 A então ministra portuguesa das Finanças, Manuela Ferreira Leite, afirmou há 17 anos (Governo Barroso) que o congelamento de admissões na Administração Pública, embora necessário, foi “a medida mais estúpida” que tomou.

2016 A Policia Federal brasileira indiciou há 4 anos o ex-Presidente Lula da Silva, a sua mulher e outras três pessoas por corrupção ativa, passiva e lavagem de dinheiro num caso da operação Lava Jato, que investigava crimes cometidos na Petrobras.

2019 Concluiu há 1 ano em Biarritz a cimeira do G-7, onde o programa nuclear iraniano, o fogo na Amazónia, o “brexit” y a crise entre a Rússia e a Ucrânia marcaram a agenda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s