Vinagrete 20.02.19: A riqueza da Raríssimas

Paula Brito e Costa na Raríssimas, SIC Notícias

Vê-se sem a menor dúvida, como houve razão para afastar a anterior líder da Raríssimas, que agora pede uma indemnização à Associação, superior a 140 mil euros. Imaginemos o que faria esta senhora, de nome Paula Brito e Costa, com o dinheiro que era para dar aos doentes verdadeiros, quando se dá ao luxo de querer para si, já depois de lá não estar, mais de 140 mil euros.

Quando era ela a manejar os dinheiros da Associação, que deve ser rica, a quanto acharia ter direito próprio? E se a Raríssimas é assim tão rica,

Porque hão de haver IPSSs mais pobres.

O melhor, já se viu, é não dar dinheiro para estes caramelos, mas mais directamente a quem precisa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s