Efemérides de 5 de Fevereiro

História dos Bombeiros portugueses, bombeiros.pt

1722 Foi criada, no Porto, há 298 anos, a primeira corporação de bombeiros da cidade, A Companhia do Fogo ou da Bomba, no reinado de D. João V (1689-1750, a reinar desde1706)

1768 O Marquês de Pombal (1699-1782), chefe do Governo de D. José (1714-77, a reinar desde 50) criou há 252 anos, em Lisboa, a Real Mesa Censória, separando as funções da Igreja das do Estado, tendo a Inquisição perdido então os poderes de exame prévio.

1818 Portugal, que foi dos primeiros países a reconhecer (em 1783, com D. Maria I) a independência dos EUA (país que brindou essa situação com vinho da Madeira, em 1776), assinou há 202 anos o tratado de amizade com Washington.

1852 O Museu Hermitage, o mais conhecido da Rússia, em São Petersburgo, foi aberto ao público há168 anos.

1869 Foi fundado há 151 anos o Diário dos Açores, primeiro de S. Miguel, por Manuel Tavares de Resende (1849-92), saindo o seu primeiro número no mesmo dia do ano seguinte.

1887 Estreou-se há 133 anos a ópera Otello (baseada no livro homónimo de Shakespeare), de Giuseppe Verdi (1813-1901), no Teatro La Scala, de Milão.

1909 O químico e empresário belga Leo Baekeland (1863-1944) anunciou há 111 anos a criação da baquelite, o primeiro plástico sintético do mundo

Tempos Modernos, de Charlot, Midas

1936 Tempos Modernos, filme dirigido e interpretado por Charles Chaplin (1889-1977), foi lançado há 84 anos, sendo a última aparição de Charlot.

1974 Tropas das Nações Unidas criaram há 45 anos a zona tampão entre Israel e o Egito, junto ao Suez.

1993 Estreou-se há 25 anos, no Teatro Tivoli, a Orquestra Sinfónica Portuguesa (integrada actualmente no São Carlos), com 110 músicos.

2007 Foi publicada há 13 anos em Diário da República (Governo Sócrates) a lei que cria o Cartão Único do Cidadão.

2010 Cerca de meia tonelada de explosivos foi detetada há 10 anos num alegado esconderijo da ETA, em Óbidos, Casal da Avarela.

2019 O Presidente Rebelo de Sousa promulgou há um ano os diplomas do Parlamento sobre transparência de informação relativa a créditos de valor elevado e sobre comunicação ao fisco de informações de contas superiores a 50 mil euros.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s