Vinagrete 19.12.17 – os maus Bancos portugueses

Bancos portugueses, Expresso

Novo Banco, YouTube

Uma notícia de jornal contava que os Bancos portugueses estão no fundo das tabelas internacionais do sector. Não admira nada: com os créditos mal parados, sobretudo pessoais, e as comissões como negócio principal – não deviam ser considerados realmente Bancos.

Mas parecem reflectir o que o Governador do Banco de Portugal espera destes Bancos e dos gestores que para eles aprova. Lembremos só como o BES foi dividido, e ficou um Banco bom só com o filet mignon do grupo. No entanto, embora o GES, não apenas com o filet mignon, desse fortunas de lucros (é certo sermos levados a pensar que como uma ou outra aldrabicezinha pelo meio, veremos o que dizem sobre isso os tribunais). Pois o tal Banco bom, que agora se chama Novo Banco, dá prejuízos inconcebíveis, segundo a melhor solução encontrada pelo Banco de Portugal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s