Vinagrete 19.04.11 – Os quadros de Berardo

Sempre achei estranho que os bancos não tivessem executado os quadros de Berardo pelas dívida dele. Hoje achei ainda mais estranho

Colecção Berardo

um jornal dizer que o Governo os impedira (aos Bancos) de vender os quadros de Berardo (mas o Governo pode impedir isso, mesmo sem ser apenas à CGD?!) Mais estranho contudo não aparecerem jornais e partidos a secundarem a denúncia.

Finalmente, bem lida a notícia, o Governo impedira Berardo de levar uns quadros para Londres, onde os poderia vender. Isto já é mais lógico.

Mas continuo na minha: porque não avançam os bancos principais credores (consta serem 3, a CGD, o BCP e o velho BES ou agora Novo Banco) com a execução e venda dos quadros, que ainda por cima continuam a ocupar todo o espaço expositivo de uma casa como o CCB? Ou porque não ficam alguns bancos portugueses, ou outras entidades nacionais, com os quadros ou obras mais significativos?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s