Efemérides de 24 de Julho

sideplaer.com.br

1245 Inocêncio IV retirou há 773 anos a autoridade real a Sancho II (1209-48) de Portugal, sucedendo-lhe o irmão, Afonso III, numa altura em que a autoridade papal definia os Estados ‘vassalos’ cristãos, ajudada pela excomunhão.

1704 A ocupação de Gibraltar, pelas forças do almirante inglês George Rooke, deu-se há 314 anos, durante a Guerra de Sucessão de Espanha (de alta importância estratégica na altura, para controlar a entrada no Mediterrâneo), e hoje é um problema diplomático porque o rochedo é reivindicado por Espanha, em cujo território se situa, mas a mudança é recusada pelos gibraltinos.

1827 Após demissão de Saldanha no ano anterior por não conseguir impor determinadas posições, iniciaram-se há 191 anos as “Archotadas”, manifestações noturnas à luz de archotes, em protesto pela instabilidade governativa, e que visavam apoiar o político liberal demissionário, durando cerca de 3 dias.

Estátua do duque da Terceira em Lisboa

1833 Em plena Guerra Civil de1832-34, há 185 anos, num passo decisivo do conflito, as tropas liberais do duque da Terceira entraram em Lisboa, depois de desembarcarem no Algarve e atravessarem o Alentejo, vindo a Câmara de Lisboa a celebrar a data muito mais tarde, em 1878, atribuindo o nome a uma importante rua ribeirinha da cidade.

1911 O antropólogo americano Hiram Bingham, à frente de uma expedição da Universidade de Yale, descobriu há 107 anos a cidade inca de Machu Picchu, pré-colombiana e bem conservada.

2007 Uma nova Lei da Televisão (no tempo do Governo de Sócrates) foi promulgada há 11 anos pelo então Presidente da República Aníbal Cavaco Silva (n.1939, em funções entre 2006-16).

2015 A Turquia bombardeou há 3 anos pela primeira vez posições do Estado Islâmico (EI) na Síria e abriu as suas bases aos aviões da coligação liderada pelos EUA, embora permanecesse sempre a ideia de que aproveitou mais para atacar os curdos (aliados do Ocidente na Guerra contra o DAESH).

2017 Um homem armado com uma motosserra atacou há 1 ano várias pessoas na rua, na cidade suíça de Schaffhausen, perto da fronteira com a Alemanha, deixando 5 feridos, numa nova moda de criminalidade que se concluiu não ser terrorismo islâmico.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s