Vinagrete 18.06.06 – SS e greve dos comboios

Segunda-feira passada lá me apresentei na Segurança Social do Areeiro, apesar da greve dos comboios. O que seria da minha

Dinheiro Vivo

marcação se lá não fosse!…

Pois os senhores ficaram muito incomodados por eu ter ido, uma vez que faltava quase todo o pessoal, por causa da greve dos comboios. Eu agora estou numa pré-reforma muito dentada, mas quando trabalhava, e havia greve de algum transporte, tínhamos de ir trabalhar na mesma, noutro transporte. Nem passava pela cabeça de ninguém (talvez no Estado) fazer de outra maneira, e aproveitar a grete de um transporte para fazer um feriado imprevisto e devidamente pago. Claro que estes empregados do Estado dão-se ao luxo, já não digo de arranjarem 4 pessoas para alugarem um táxi (o que parece bem possível num serviço em que tanta gente se viu afectada pela greve dos comboios), mas ao menos de procurarem umas camionetas alternativas, ou aproveitarem os serviços mínimos. Nada. Apesar do desemprego que grassa, os lugares estão ocupados por gente inútil, e quem quer trabalhar como eu não consegue nada.

Não haverá um Governo e uns sindicatos que ponham cobro a isto, e tratem do desemprego a sério?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s