Vinagrete 17.06.09 – Cambada de juízes

juiz, fotografia de igualmix.com

A avaliar pelos grandes casos mediáticos da Justiça Nacional, que não dão em nada, a não ser conclusões abusivas (quando aparentemente deviam dar), e dão em grandes condenações (quando aparentemente não deviam dar), e quase sempre em muito exibicionismo de magistrados acompanhado de enormes fugas criticáveis de informação – nunca os juízes portugueses do meu tempo me mereceram grande consideração. Agora há esta história surrealista da greve de um órgão de soberania, já considerada ilegal e inconstitucional por imensa e variada gente, entre os quais conto os conceituados Marques Mendes, Vital Moreira e Jorge Miranda. Mas como poderão os juízes entender que estão a ser ilegais ou inconstitucionais, se eles sempre demonstraram uma enorme ignorância da Lei? Pelos vistos só lhes interessa garantir muitas férias e grandes ordenados (já bem acima do que se usa na Função Pública), numa chulice ao contribuinte de quem vivem e de quem se servem em lugar de o servirem, enquanto se avolumam os processos por resolver, e os que se resolvem demoram muitos anos ou décadas para se resolverem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s