O caresteiro da moda

Tomas Maier (n.1957, na Alemanha), designer e diretor criativo da marca italiana de luxo Bottega Veneta, da qual fez uma das maiores marcas de luxo do mundo, com produtos exclusivos, de qualidade e feitos à mão, disse numa entrevista recente a um site: «O meu trabalho é vender roupa a um preço muito alto, por isso gosto de fazer coisas que durem muito». E rematou: «É a forma de meter na minha cabeça que não me limito a vender coisas muito caras».

Sempre é uma desculpa. Depois, para a Justiça er mais completa, os seus produtos devem ser carregados de impostos, que revertam a favor de quem não pode comprá-los (coisa que não está nada de moda, com o liberalismo falido mas expendido).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s