Vinagrete 18.08.08 – Bombeiros à balda

Os jornais podem gostar muito de mostrar dissidências, mas as críticas que fazem ao combate de incêndios só deviam aparecer no fim desse combate com algum sucesso. Não sei se elas se refeririam antes ao combate a incêndios estrangeiros, mas os jornais puxaram-nas para a vida nacional, que lhes interessa mais.

Combate ao incêndio de Monchique, RR

Isto dos incêndios é como a tropa: nenhuma guerra seria ganha se todos se pusessem a opinar sobre os combates. Há simplesmente que obedecer, melhor ou pior, bem ou mal.

De resto, dizem-me que nos EUA e Canadá, os bombeiros só intervêm para salvar populações, e deixam os fogos andar à sua vontade. Talvez por isso, para já, não prevêem que o da Califórnia acabe antes do fim de Agosto. Independentemente dos disparates que Trump possa dizer, sobre o clima ou outra coisa qualquer.

Antes Trump a dizer disparates, em que já ninguém acredita, do que bombeiros a criticarem o combate a incêndios, em plena fase desse combate. Bombeiros destes só fazem falta estar longe. Porque opiniões, todos somos livres de ter, independentemente de estarem certas ou não. Mas as ordens factuais, na guerra ou nos incêndios, devem ser para cumprir imediatamente, e sem recalcitrações.

Se os jornais têm razão, estou convencido que, com gente desta, o combate a incêndios será sempre pior. Não haverá responsáveis que posam correr com os recalcitrantes e garantirem um ambiente de combate aos incêndios mais salutar?

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s